29 junho 2015

O que é “ equilíbrio ” ?





Sthephanie Gomes
Equilíbrio é a chave. Em tudo o que você faz. Dance a noite inteira e pratique yoga no dia seguinte. Beba vinho mas não esqueça seu suco verde. Coma chocolate quando seu coração pedir e salada quando seu corpo precisar. Vista salto alto no sábado e ande descalço no domingo. – Rachel Brathen
Vou ser bem sincera: eu não sei se equilíbrio é a resposta para tudo. Acho que às vezes precisamos nos “desequilibrar” um pouco para irmos atrás de nossos sonhos, fazermos mudanças importantes, aceitarmos nossos sentimentos… Mas acredito que o equilíbrio é a chave quando se trata de bem-estar, tanto em relação à saúde do corpo como à saúde da mente.

Até pouco tempo eu tinha dificuldade de entender o significado da palavra “equilíbrio” quando lia ou ouvia alguém falar sobre isso. O que é exatamente ser equilibrado? Não dá pra medir, não dá pra dizer “eu sou equilibrado” com toda a certeza. Continuo sem saber dar uma definição exata, mas acho que, no fundo, entendo o que quer dizer.

Entendo que é equilibrado não se privar das coisas boas da vida, mas ao mesmo tempo ter cuidado para não se prejudicar. 

Que cuidar da beleza exterior não é futilidade quando você se preocupa também com a beleza interior. 

Que ler livros ou ver filmes só por diversão é tão importante quanto buscar conhecimento nessas fontes.

Que se sentir triste é tão importante quanto se sentir feliz, e é preciso aceitar as duas coisas.

Que faz parte do equilíbrio investir todas as suas forças em um sonho mas também parar para descansar de vez em quando.

Que não é preciso deletar todas as redes sociais, mas é equilibrado tirar um tempo para ficar offline de vez em quando.

Que é equilibrado fazer exercícios físicos mas também se permitir passar um dia na cama tomando sorvete.

Essa mistura de atitudes diferentes – às vezes até opostas – é o que nos coloca em estado de paz e bem-estar. Porque você simplesmente se permite, sem neura, sem crise, sem conflito.

Você se permite cuidar de si mas não esquece de também ser feliz e aproveitar a vida do jeito que gosta. Não se proíbe de nada, mas fica consciente do que está fazendo. Não se limita e ainda se abre para todas as possibilidades.
javascript:;
Você não precisa escolher um lado e nunca mais sair dele. Não precisa comer só salada e recusar a sobremesa para sempre. Não precisa se envolver única e exclusivamente com o que é super culto e útil, e esquecer-se das bobeiras e coisas simples que te divertem.

Não precisa ficar o tempo inteiro se esforçando, de vez em quando você pode deixar tudo de lado e simplesmente não pensar em nada.

Equilibre o que te faz bem com aquilo que você gosta e também com o que faz parte da vida. 

Coma frutas com chocolate. Passeie no shopping e passeie na natureza. Assista Meninas Malvadas e Velozes e Furiosos, mas não deixe de conhecer os filmes do Woody Allen. Saia com os amigos mas não se esqueça da família. Aceite o choro tão bem quanto aceita o riso.


Postado no Desassossegada em 29/06/2015


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...